Sintomas de lúpus: Osteonecrose

Sintomas de lúpus: Osteonecrose


Sintomas de lúpus: Osteonecrose

Como já citamos em diversos artigos de nosso blog, quem é portador de lúpus passa por alguns sintomas. E, esses sintomas nem sempre são iguais em todos os pacientes, ou seja, podem variar de uma pessoa para outra.

É por isso que neste artigo nós vamos abordar um desses sintomas apresentados por algumas pessoas que possuem lúpus: É a osteonecrose.



Você já ouviu falar a respeito dela?

Vamos explicar um pouquinho aqui neste artigo do que se trata. A osteonecrose acontece quando o osso perde a sua vascularização. Quando isso acontece, o osso simplesmente morre.

Outros nomes da oesteonecrose são: necrose asséptica, necrose avascular e até mesmo necrose isquêmica.

Quando um paciente descobre que sofre de osteonecrose, diversas dúvidas começam a aparecer. Então, vamos falar a respeito de algumas delas abaixo:

- O que acontece na osteonecrose?

Acontece que o osso morre, pois o osso precisa de vascularização. E quando isso passa a não acontecer mais, ele morre. Sendo assim é mais fácil de acontecer fraturas muito sérias.

 
– A osteonecrose tem cura?


Esta é uma doença com início, meio e fim. Por isso existe a cura, mas é importante ressaltar aqui que mesmo tendo a possibilidade de cura, o osso não volta ao normal, como era antes. Esse processo pode durar meses ou até mesmo anos.



- Se existe a cura, então como fica o osso?

O resultado final do osso dependerá muito da região que foi afetada. Por exemplo, se é uma parte pequena do osso, ele terá praticamente 100% de cura. Mas se a região afetada no osso é grande, certamente será mais difícil ele voltar 100% ao normal. É algo que ocorre mais lentamente pois o osso perde a sua resistência estrutural, podendo afundar e até mesmo causar artrose secundária.


- Como posso tratar a osteonecrose?


 Muitas vezes ela é tratada com cirurgia. Não existe um tipo certo de cirurgia a ser realizada, pois dependerá da região e do osso afetado.


- Quais partes do corpo mais comuns são afetadas pela osteonecrose?

A parte do corpo que normalmente é mais afetada pela osteonecrose é a cabeça do fêmur, cabeça do úmero, osso semilunar na mão, ossos do pé e do joelho.


- Quais são as causas da osteonecrose?

Infelizmente, as causas desta doença ainda não são muito conhecidas. A maior parte das causas são o uso crônico de corticoides, alguns tipos de pacientes que apresentam anemia, uso crônico de álcool, lesões articulares, alguns tipos de artrite e até mesmo câncer.

Normalmente a osteonecrose é uma complicação mais comum em pacientes com lúpus eritematoso sistêmico (LES).

Acredita-se que alguns fatores de risco são mais propícios para a presença desta doença. Uma pesquisa foi realizada e, dos pacientes com osteonecrose estudados, 57% apresentaram fenômeno de Raynaud.

Alguns pacientes com lúpus também apresentam osteonecrose de mandíbula. Alguns pacientes que utilizam bifosfonatos por via parental são mais propícios à osteonecrose mandibular ou maxilar do que os pacientes que são tratados por via oral.

Além disso, outros fatores como diabetes e o uso de agentes quimioterápicos também podem apresentar esse tipo de osteonecrose.

Nas fases iniciais da doença, os pacientes não possuem sintomas específicos. Mas alguns fatores podem ser sinais indicativos, como cefaleias e dores constantes e pulsáteis.

Os exames recomendados são os de imagem. Eles, na verdade, são imprescindíveis para um diagnóstico correto.

Portanto, é sempre bom que o paciente de lúpus sempre tenha um acompanhamento médico. Isso é muito importante para que qualquer problema seja diagnosticado sempre em seu início. E, conforme a descoberta de uma doença como a osteonecrose, é sempre bom que o tratamento seja iniciado o mais rápido possível.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A Morte Devagar

LÚPUS ERITEMATOSO DISCOIDE